quarta-feira, 28 de março de 2012

The Maccabees - Given To The Wild

A química perfeita.


O grupo britânico The Maccabees - que surfa na praia do Indie/Pop Rock, presenteia os fans com o ousado e inovador álbum intitulado Given To The Wild. Podemos avaliar o novo trabalho como uma espécie de caminho encontrado. Depois do quase apagado "Colour It In" (2007) e do comum "Wall Of Arms" (2009), Given To The Wild veio não só para agradar fans do circuito Indie mas também ouvintes de outras tendências musicais.

O quinteto liderado pelo vocalista Orlando Weeks, traz novos elementos, dentre eles podemos destacar samplers - muito bem usados - e uma tímida pitada de Neo-Progressive. As faixas são de emocionar qualquer ouvinte acíduo de Indie Rock. A música "Child" é uma canção calma e que traz alguns arranjos de saxofone e pequenos samplers, adotados recentemente pelo conjunto. Em seguida  podemos destacar "Ayla", no começo lembra algo próximo que o cantor americano Moby, pratica, principalmente em álbuns como "Play" e "18". 

É difícil não destacar quase todas as músicas em Given To The Wild. "Forever I've", "Heave" e "Go" também são de grandes destaques. Já "Pelican" pode ser considerada o hit para rádios e mídias mais amplas. O Trunfo final fica para "Unknow", a grande música da obra. Nas primeiras audições o ouvinte pode achar que os noruegueses do a-ha já fez tudo que se possa ouvir nela ou que pitadas de eletrônico  não são de grande impacto, mas ao ouvir com mais calma e com muita atenção nos detalhes, posso concluir que o Maccabees gerou uma canção simples e de grande carga emocional.

The Maccabees coloca a prova que nem só de ôôôhh e canções previsíveis vive o atual Indie Rock, é possível adicionar novos elementos que só engrandece o estilo. Se você acha que Coldplay, The Killers e Muse são bons, escute "Given To The Wild" na íntegra. Com certeza já entrou para a minha lista dos melhores de 2012!